Ana Claudia Michels responde - Questionário Proust — Gama Revista
Questionário Proust

Ana Claudia Michels

Modelo e médica

31 de Outubro de 2020

Ela deixou a carreira consolidada nas passarelas para estudar medicina. Recém-formada, ela defende o SUS e quer atender populações mais vulneráveis

  • 1

    Qual é sua ideia de felicidade perfeita?

    Família inteira unida, com saúde e coração em paz. Sem preocupações. Eu sei que isso é impossível, porque minha personalidade é de estar sempre em algum desafio, então aceito e sou grata pela minha felicidade imperfeita.

  • 2

    Qual é o seu maior medo?

    Ser injusta, e também tenho medo de coisas que não gosto nem de falar para não atrair.

  • 3

    Que característica mais detesta em você?

    A preocupação com o que os outros pensam de mim.

  • 4

    Que característica mais detesta nos outros?

    Deslumbramento.

  • 5

    Que pessoa viva você mais admira?

    Admiro muito pessoas que vivem suas vidas intensamente, que são alegres apesar das adversidades e que fazem coisas extraordinárias sem que fiquem famosas por isso. Tenho sorte de encontrar várias dessas pessoas como médica. Elas me emocionam e me inspiram.

  • 6

    Qual é a sua maior extravagância?

    Frequentar eventualmente restaurantes caros, sabendo que estou sendo praticamente assaltada. Comida é uma alegria na minha vida.

  • 7

    Qual é o seu estado mental atual?

    Inquieta e angustiada.

  • 8

    Que virtude considera superestimada?

    A capacidade de perdoar infinitamente.

  • 9

    Em que ocasião você mente?

    Quando dou desculpas para não ir a festas ou eventos.

  • 10

    O que menos gosta sobre sua aparência?

    Com a idade, venho gostando mais de mim, mas recentemente as manchas na minha pele (melasma) têm me incomodado bastante.

  • 11

    Que pessoa viva você mais despreza?

    Acho que até o fim do mandato dele prefiro não falar.

  • 12

    Que qualidade mais admira em um homem?

    A humildade de se questionar sempre e admitir que até em unanimidades pode haver pontos de vista diferentes.

  • 13

    Que qualidade mais admira em uma mulher?

    A autoestima (claro que não só relacionada à estética).

  • 14

    De que palavras ou frases você abusa?

    Obrigada. Desculpa. Na minha opinião. PQP.

  • 15

    O que ou quem é o maior amor da sua vida?

    Meus dois filhos.

  • 16

    Quando e onde você foi mais feliz na vida?

    Agora.

  • 17

    Que talento você mais gostaria de ter?

    Eu gostaria de saber escrever bem, ler rápido e dançar muito bem.

  • 18

    Se você pudesse mudar uma coisa sobre você, o que seria?

    Queria ter menos sono. Depois das 22h, meu dia acabou! Tanto tempo desperdiçado...

  • 19

    O que considera sua maior conquista?

    Me formar em medicina.

  • 20

    Se você morresse e voltasse como uma coisa ou uma pessoa, o que você gostaria de ser?

    Não sei. Hahaha.

  • 21

    Onde você mais gostaria de morar?

    Aqui mesmo, em São Paulo, mas seria bom se fosse numa casa.

  • 22

    Qual é o seu pertence mais estimado?

    Minha casa, meu quarto, meu canto. Sou muito apegada ao MEU espaço.

  • 23

    O que você considera o nível mais baixo da desgraça?

    Perder pessoas queridas muito antes do esperado.

  • 24

    Qual sua ocupação favorita?

    Adoro minha vida como médica.

  • 25

    Qual sua característica mais marcante?

    Também não sei. Acho que tenho um bom senso de humor...

  • 26

    O que você mais valoriza em seus amigos?

    Lealdade e senso de humor.

  • 27

    Quais os seus escritores favoritos?

    Graciliano Ramos, Gabriel García Márquez.

  • 28

    Quem é seu herói na ficção?

    Moana.

  • 29

    Com qual figura histórica você mais se identifica?

    Não me identifico com nenhuma.

  • 30

    Quem são seus heróis na vida real?

    Meu marido, Augusto, e uma professora da faculdade de medicina: Maria Luiza.

  • 31

    Quais são seus nomes favoritos?

    Iolanda e Santiago.

  • 32

    O que você mais detesta?

    Mediocridade.

  • 33

    Qual seu grande arrependimento?

    Não tenho grandes arrependimentos. Acho que os erros são necessários.

  • 34

    Como gostaria de morrer?

    Velhinha, porém lúcida, dormindo.

  • 35

    Qual é o seu lema?

    A vida é uma só e é uma dádiva. Não dá para ficar parado esperando a vida passar ou então se colocar num lugar de lamentações.

Ela deixou a carreira consolidada nas passarelas para estudar medicina. Recém-formada, ela defende o SUS e quer atender populações mais vulneráveis

Quer mais dicas como essas no seu email?

Inscreva-se nas nossas newsletters

  • Todas as newsletters
  • Semana
  • A mais lida
  • Nossas escolhas
  • Achamos que vale
  • Life hacks
  • Obrigada pelo interesse!

    Encaminhamos um e-mail de confirmação