Bloco de notas da Semana "Projeto: como começar?" — Gama Revista
Projeto: como começar?

5

Bloco de notas

Bloco de notas

A cidade que implementou renda básica, o documentário ‘Boys State’, Itamar Vieira Jr. e o romance que levou mais de duas décadas para ficar pronto. Uma lista de referências para começar um projeto, seja ele qual for

Manuela Stelzer 14 de Fevereiro de 2021

  • O que acontece quando mil adolescentes se reúnem para começar um governo do zero? É o que o documentário BOYS STATE (2020) investiga. Desde 1935, a American Legion (organização dos veteranos de guerra dos Estados Unidos) promove uma espécie de acampamento em que alunos norte-americanos do ensino médio simulam um novo governo durante uma semana. Em 2018, a edição foi registrada pelos cineastas Amanda McBaine e Jesse Moss. Em 2020, chegou às telas. Bill Clinton, Dick Cheney e até não políticos como Michael Jordan são alguns nomes famosos que já participaram do exercício.

  • Imagem da listagem de bloco de notas
    ©Anthony Burrill

    Tirar um projeto do papel não é tarefa simples. A maioria dos profissionais que trabalha com criação responde que o grande obstáculo é a gestão do tempo. Por isso, o título “NÃO LEIA ESTE LIVRO” (Belas-Letras, 2019) foca em como tomar decisões e na hora certa. Mas começar um projeto não é só questão de tempo, também é preciso TRABALHAR DURO E SER LEGAL COM AS PESSOAS, como atesta o artista Anthony Burril em seu livro, lançado em 2020 pela Ebury Press. Recheado de aforismos inspiradores e conselhos, Burril fornece sábias palavras para fazer acontecer.

  • Imagem da listagem de bloco de notas
    Câmara Municipal da Póvoa de Varzim

    Começar um projeto e fazê-lo deslanchar não tem data certa. Itamar Vieira Jr., autor de “Torto Arado” (Todavia, 2019), começou o livro aos 16, e só foi finalizá-lo aos 40. Em entrevista a Gama, Itamar disse que faltou maturidade na adolescência para publicar um título de tamanho peso. Hoje, CELEBRA A IMATURIDADE DO PASSADO: “Se naquela época eu tivesse concluído o livro, talvez não teria tido vontade de retomar o romance anos depois”, conta.

  • Imagem da listagem de bloco de notas
    ©MNU/Jesus Carlos

    Como se começa um projeto de mudança estrutural na sociedade? O MNU (Movimento Negro Unificado), fundado em 1978, já começou forte: foi lançado em pleno regime militar nas escadarias do Teatro Municipal de São Paulo. A organização foi pioneira na luta contra a discriminação racial no Brasil, e hoje, mantém o debate sobre desigualdade e consciência ativo e propõe mudanças práticas, como a demarcação de terras quilombolas, a lei que prevê o ensino da história afro-brasileira e indígena nas escolas e o crescimento na quantidade de pessoas negras nas universidades.

  • Imagem da listagem de bloco de notas
    Fernando Souza / El País

    No meio da crise mundial alavancada pela pandemia do novo coronavírus, a cidade carioca Maricá IMPLEMENTOU A RENDA BÁSICA. O município investiu em “mumbucas”, uma moeda social para famílias que passavam por dificuldade. Enquanto o mundo desacelera economicamente, entre os 161 mil habitantes de Maricá não há moradores de rua ou sinal de desânimo. Com a implementação, a arrecadação municipal cresceu 15% e pequenas empresas se mantêm com o dinheiro circulando, em contraste com o quadro nacional.

  • KERBAL SPACE PROGRAM é um videogame onde o jogador planeja missões espaciais — da construção do foguete até a rota de reentrada dos pilotos, tudo está na mão do usuário. Criado pelo designer brasileiro Felipe Falanghe, o gamer fica responsável pelo programa espacial dos alienígenas Kerbals e tem acesso a uma variedade de peças para montar uma nave espacial que voa (ou não). Tudo baseado em aerodinâmica e física orbital de verdade.

  • SCRATCH é um programa que ensina jovens a programarem e criarem histórias, jogos ou animações — e depois publicá-los em uma comunidade online. . Desenvolvido pelo Media Lab do MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts), no último ano foram mais de 20 milhões de projetos criados por meio do Scratch.

  • “A lista é a origem da cultura. Onde quer que você procure na história da cultura, encontrará listas.”

    Como disse Umberto Eco, as listas melhoram nosso entendimento sobre o mundo e nos ajudam a realizar desejos. Podem ser dos 50 melhores restaurantes, as 10 celebridades mais bem vestidas ou um conjunto de afazeres da semana. O Nexo relembrou oito listas criadas por nove notávei – o que nos mostra que para a genialidade existe um caminho de muito planejamento e uma boa dose de disciplina.

  • Imagem da listagem de bloco de notas
    Divulgação

    O canal MANUAL DO MUNDO, com 14 milhões de inscritos, realiza diversos experimentos científicos. Durante algum tempo, Iberê Thenório e Mari Fulfaro, criadores do canal, tentaram diversas vezes elaborar e erguer um submarino — projeto que falhou em todas as tentativas. Até que, no primeiro vídeo de 2021, depois de sete testes, três anos de trabalho e muito suor, O SUBMARINO FICOU PRONTO.


  • Na década de 1980, a dupla de artistas suíços Peter Fischli e David Weiss produziram uma instalação em seu estúdio: uma série de reações em cadeia, ao estilo de uma máquina Rube Goldberg, que envolvia objetos comuns como pneus, sacos de lixo, escadas, sabão, sapatos, água e gasolina. A obra “THE WAY THINGS GO” foi registrada e lançada em um documentário de 30 minutos de duração em 1987, e reflete sobre o fato de que um pequeno gatilho pode desencadear uma rede de reações.